"Não me pergunte quem sou e não me diga para permanecer o mesmo." Foucault

Minha foto
"Alquimia de ventilador, poesia de liquidificador..."

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Minha Tempestade


Trovões me gritam.
Raios clamam por mim,
Seus clarões me hipnotizam,
E eu, cega e surda para tudo mais,
Mergulho na tempestade de cabeça erguida.
.:Fran:.

Um comentário:

  1. lindo....me lembrou cazuza e seus segredos de liquidificador..abraços

    ResponderExcluir

escrevendo, comentando, rabiscando o rodapé...