"Não me pergunte quem sou e não me diga para permanecer o mesmo." Foucault

Minha foto
"Alquimia de ventilador, poesia de liquidificador..."

sábado, 18 de julho de 2009

Auto-deglutição



Tenho ânsias de escrever
palavras me reviram o estômago
me sobem pelo esôfago
me travam a garganta
embriagam minha cabeça
mas não consigo externá-las
e novamente engulo-as
talvez pela milésima segunda vez.
Elas me queimam por dentro,
se confundem com as minhas entranhas,
me fazendo cócegas,
me provocando dores.
Mas o que eu posso fazer com elas?!?!
São elas que fazem o que bem entendem de mim...
Não consigo dominá-las,
me escapam aos borbotões,
e em vão, me esforço em captá-las
em compreende-las,
mas como, se elas são feitas de matéria misteriosa,
insuspeita e etérea,
e eu tão vácuo, tão vã, tão vil,
simples tentativa servil...
Me ergo pra elas buscando um que de mistério e abstração,
talvez um traço de misericórdia
inspiração divina, quiçá possessões poéticas
áurea de pomba-gira...
mas nem assim,
e novamente tropeço em mim mesma,
rolando no chão buscando algo que eu não tinha,
mas que sempre me perturba e comove.
Elas continuam atacando meu fígado,
não me permitem esquece-las em momento algum
e seguem em nossa sina, nossa senda
sempre me aturdindo,
me provocando,
brincando com meu ser...
mas um dia... ah, um dia
ainda vomitarei sílfides e borboletas.
Mas enquanto esse dia não chega,
eu, egoísta
sinto elas em minha língua,
engulo
e guardo-as pra mim.
(Fran)

4 comentários:

  1. Mto bom,Mto bom,Mto bom,gostei msm!!
    vc escreve bem moça.

    ResponderExcluir
  2. Inenarrável! Qualquer coisa dita poderia diminuir a poesia que acabei de ler. Mas nem me foi tão surpresa assim, sempre admirei a inteligência e a sutileza dessa menina, mulher... agora poetiza! Parabéns mesmo pelo texto!
    Priscila Cristine

    ResponderExcluir
  3. Fábio Pereira de Carvalho8 de agosto de 2009 20:54

    Não desanime, não faça como eu, não abandone este lugar nunca... continue roubando palavras, escrevendo mesmo que ninguém comente. Virei te visitar aqui mais vezes, deixe a porta sempre aberta! abraço

    ResponderExcluir
  4. Porta escancarada para os amigos!

    ResponderExcluir

escrevendo, comentando, rabiscando o rodapé...